Páginas

sexta-feira, 29 de maio de 2009

O livro a Divina revelação do Inferno.

O livro a Divina revelação do Inferno de Mary Baxter


Irmãos vocês realmente acreditam em alguma coisa desse livro, que da para aproveitar alguma coisa? Houve gente até que comprou dezenas desse exemplar para distribuir, e incentivar as pessoas a se converter, ao Evangelho.
A autora torce a Bíblia ao promover suas "doutrinas" como Revelação Divina.
Na verdade ela privilegia em seus escritos um visão estereotipada sobre demônios, inferno e o diabo, bem como crenças populares acerca da "atuação" dessas forças espirituais.
Há muito de espiritismo e de Karma ali. Muitos acreditam que a revelação e correta, pois vende muito...se fosse assim, o Código da Vinci, hem...
Existem muitas contradições bíblicas nesses livros, e não entendo sinceramente como ser enganado por isso, sendo que muitos erros são óbvios...
Quando vamos ensinar algo bíblico, somos desacreditados por pessoas que dizem...ah, mas no livro da fulana... ela teve uma revelação... e essa pseudo revelação se torna mais importante que a Palavra. Ora se eu sou assumidamente evangélica, tenho que ter a Bíblia como regra de fé e pratica, concordam?

Entre as pessoas citadas, que indicam o referido livro, encontra-se a Sra. Marilyn Hickey, que num de seus livros ensina ter Noé, sob o efeito da embriaguez, praticado atos homossexuais com seu neto Canaã, além de dizer que o homem possui a natureza de Deus, tornando-se participante de “todos os seus atributos” . Percebe-se, pois, que a insensatez acompanha não apenas a obra indicada, mas também quem a indicou.

Outro nome de peso é o de David (Paul) Yonggi Cho, que declarou [ii]: "Eu li este livro, tremendo no meu coração. Eu realmente creio que Rev. Baxter teve um verdadeiro encontro com a realidade do inferno na sua experiência da revelação de Jesus Cristo nosso Senhor" (quarta capa). Apesar de ser notável no meio evangélico, o Sr. Cho pode cometer erros (ele não é infalível!); aliás, não seria a primeira vez que ele ensina algo inconsistente (teologicamente falando). Em uma de suas obras, Cho diz que pediu a Deus três coisas: uma escrivaninha, uma cadeira e uma bicicleta; contudo, Deus disse que não poderia atendê-lo pela seguinte razão: Cho não especificou o que queria. Deus lhe teria dito: "Será que você não sabe que há dezenas de tipos de escrivaninhas, cadeiras e bicicletas? Mas você simplesmente pediu-me uma escrivaninha, uma cadeira e uma bicicleta. Não pediu uma escrivaninha específica, nem uma cadeira nem uma bicicleta específicas". Sem perceber, o Sr. Cho atentou contra a onisciência de Deus que, segundo o próprio Jesus, sabe de tudo que necessitamos, antes mesmo de pedir (Mateus 6:25-32).

Assim, devemos analisar as declarações da Sra. Baxter à luz da Bíblia, e não nos fiarmos em declarações de pessoas que, assim como nós, estão propensas a análises errôneas, não importa quão afamada seja tal pessoa no círculo cristão (Atos 17:10, 11).

III - Contradições
O caráter contraditório de algumas declarações desqualificam a "revelação" da Sra. Baxter.
Por exemplo: na p. 16 encontramos a suposta declaração de Jesus para ela: “Minha filha, levarei você até o inferno (...). Quero que escreva um livro e conte todas as coisas que vou revelar a você” (grifo acrescentado).
Desobedecendo à ordem de Jesus, porém, ela comenta na p. 20: “Algumas coisas, por serem horríveis demais, não consegui passar para o papel” (grifo acrescentado). Ora, por mais que a mensagem a ser transmitida fosse dura, os profetas de Deus declaravam o que ele ordenava, independentemente do que sentiam a esse respeito; tal foi o caso de Jonas, Jeremias, Oséias e outros. A Sra. Baxter revela não possuir características próprias de um profeta de Deus. Para terminar o festival de contradições, diz: "Como obreira de Deus, submeti-me ao comando de Nosso Senhor Jesus Cristo e registrei fervorosamente as coisas que me foram mostradas e reveladas por Ele" (p. 181) — grifo acrescentado.

IV - O Inferno
A Sra. Baxter relata sua "visita" ao inferno nos seguintes termos: "Jesus veio a mim em 1976 (...). Jesus levou-me ao inferno por um período de 40 dias [iv] . (...) No mesmo momento, minha alma foi retirada do meu corpo. Saí com Jesus do meu quarto em direção ao céu. (...) Meu corpo permanecia na cama, enquanto o meu espírito ia com Jesus através do telhado da casa. (...) Depois, começamos a subir cada vez mais e eu já podia ver a Terra embaixo. Saindo dela, de vários pontos, haviam tubos girando em direção a um ponto central, indo e vindo. Eles se moviam como gigantes, continuamente e envolviam a Terra toda. (...) "São os portões do inferno" (pp. 11, 16-18).

A imaginação da Sra. Baxter é fertilíssima.
Ela retrata o inferno como se fora um corpo humano. O livro tem alguns capítulos interessantes, como, por exemplo: A perna esquerda do inferno (02), A perna direita do inferno (03), O ventre do inferno (07), O coração do inferno (10), O braço direito do inferno (13), O braço esquerdo do inferno (14), As mandíbulas do inferno (19) etc. Relata a Sra. Baxter (aparentemente citando as palavras de Jesus): "O inferno tem a forma de um corpo (semelhante à forma humana) deitado no centro da Terra. Ele tem a forma de um corpo humano - grande e com muitos compartimentos cheios de tormentos (...). O corpo está deitado de costas, com os braços e as pernas estendidas para fora" (pp. 31, 32, 52, 53). Nada há na Escrituras (nem mesmo na literatura apócrifa) que apóie essa versão da Sra. Baxter.

V - Curiosidades Infernais
O inferno da Sra. Baxter é sui generis. Nada há igual. Numa realidade totalmente espiritual, a Sra. Baxter usa e abusa de seu profuso talento artístico. Veja o que ela "viu" no inferno:

· Ratos e serpentes (p. 53). Como foram parar ali?

· Uma alma — com coração e sangue — dentro de um caixão (p. 57). De que era feito esse caixão, só a Sra. Baxter sabe.

· Uma mulher presa numa cela, cujas paredes eram de "barro" e a porta de "um metal escuro com barras e uma fechadura", e sentada numa "cadeira de balanço, balançando e chorando copiosamente" (p. 70). Pelo que parece, o inferno anda contratando pedreiro, ferreiro e carpinteiro.

· Há uma cena curiosa: Satanás está despachando com um grupo de mulheres, instruindo-as para enganar a muitas pessoas. De repente, "uma estante alta foi trazida para perto de Satanás e lá havia muitos papéis. Ele pegou alguns e começou a ler para as mulheres" (p. 63). De que eram feitos aqueles papéis que não queimavam nas profundezas ardentes do inferno da Sra. Baxter?

VI - Aberrações doutrinárias
Doutrinariamente, Baxter se revela herege ao ensinar um conceito errôneo sobre a Trindade. Ela afirma ouvir de Deus, o Pai, o seguinte: "O Pai, o Filho e o Espírito Santo são uma única pessoa" (p. 158) - grifo acrescentado.
Essa heresia, que não faz distinção entre as "pessoas" da Trindade, chama-se patripassionismo (ou modalismo, também conhecida como sabelianismo). Para os patripassianos, foi o próprio Pai que assumiu a natureza humana, sofreu, morreu e ressuscitou. Diziam que a expressão "Filho" refere-se à carne de Jesus (= natureza humana), e que "Pai" é o elemento divino unido à carne (= Deus) [v] . Hoje, muitas seitas ensinam tal heresia, como por exemplo o Tabernáculo da Fé, Igreja Pentecostal Unida do Brasil, Igreja Voz da Verdade, Testemunhas de Ierrochua etc.

No inferno da Sra. Baxter, Satanás jamais sofre; ao contrário, ele conta com um "Centro de Divertimento" (p. 80), onde ele e seus demônios deleitam-se com a desgraça alheia (p. 82). O apóstolo João, porém, diz que Satanás, ao invés de ter um "centro de divertimento", será atormentado pelos séculos dos séculos (Apocalipse 20:10).

VII - Torturada no Inferno
Ao visitar o "coração" do inferno (capítulo 10), juntamente com Jesus, ele a abandonou, entregando-a aos demônios. Ela conta que sofreu tormentos, foi aprisionada, ajoelhou-se diante de Satã. Diz Baxter: "espíritos na forma de morcegos me mordiam por toda parte" (p. 90).
Ao indagar de Jesus a razão desse incidente, a resposta foi: "Minha filha, o inferno é real. Mas você jamais poderia ter certeza até que experimentasse por si mesma. Agora você sabe da verdade e o que é estar perdido para sempre lá. Você poderá relatar para os outros a sua experiência, sem sentir nenhuma dúvida" (p. 92). O "Jesus" que conduziu a Sra. Baxter ao inferno não era o Jesus da Bíblia (II Coríntios 11: 4). O que a Sra. Baxter conheceu não se deu por satisfeito e, após essa experiência traumática, enviou-a mais uma vez para os tormentos infernais, desta vez às mandíbulas do inferno (capítulo 20). Depois de entrar em colapso, ela declarou que queria "estar bem longe – longe de Jesus, da minha família e de qualquer pessoa" (p. 92). Certamente que o Jesus dos Evangelhos não submeteria nenhum de seus "irmãos" a horrendas atrocidades, como se ele fosse um carrasco nazista.

VIII - Sábios conselhos
Não há muito que aproveitar d' A divina revelação do inferno.
A Sra. Baxter deveria levar a sério o que seu "Jesus" lhe disse:
"Mantenham-se afastados dos falsos profetas que falam em Meu nome e espalham doutrinas falsas. Despertem! Despertem!" (p. 114).
Para concluir, o "Jesus" da Sra. Baxter revelou medíocre conhecimento sobre o inferno, mas, em contrapartida, estava certo quando disse: "Minha filha, algumas pessoas ao lerem o livro que você vai escrever, acharão que tudo isso é uma obra de ficção" (p. 129).
Dito e feito!
http://www.agirbrasil.com/Apol_Geral/Divina_Revel_Inferno.html

Ela diz que foi levada para o inferno em sonho, e que o inferno e semelhante ao corpo humano...
Poucas vezes vi tantos absurdos reunidos em um só lugar. Sinceramente, indescritível, uma afronta a qualquer um que tenha um mínimo de bom senso.
A proclamação do Evangelho se basear na divulgação do sofrimento do inferno, os convertidos seriam um bando de medrosos da ira divina. O centro da nossa pregação é o sacrifício de Cristo
O detalhe impresso na capa: milhares de exemplares vendidos... Não admira que hoje tantas igrejas estejam do jeito que estão.
As pessoas acreditam que o inferno é o reino do diabo, colocando-o em um pé de igualdade com Deus, e não um lugar destinado à condenação dele...
Não se fundamenta em princípios bíblicos. A Bíblia diz que quando uma alma vai pro inferno, passa a eternidade separada de Deus, mas ela relata que Jesus desceu com ela no inferno, ao ponto das almas que ali estão O reconhecerem e pedirem por clemência... e Ele as responde uma por uma, que horror!!! Penso que seria muito torturante ver Jesus Cristo, tortura até pra Jesus que seria obrigado presenciar, visualizando o sofrimento dos seres humanos que Ele tanto amou. Acreditem: tem gente orando pedindo também um tour pelo inferno...
Antes que me acusem de incrédula, sorveteriana e mais alguma coisa, preciso lembrar que não estou julgando a autora, mas sim, sua teologia...
E isto, todos nós somos ORDENADOS, pela Bíblia, a fazer! Se ela realmente conversou com mortos, ela está indo contra a Bíblia.

9 comentários:

daisy disse...

eu achei muito interesante e muito chocante e muito revelativo para chora.que DEUS A bençoi a vida dela....

daisy disse...

eu achei este livro bem legal,porque explica as revelaçoes do inferno mas tambem tem uma parte que fala sobre o cèu para dar testemunhos para muitas pessoas a ceitar Jesus com seu unico e suficiente salvador.eu deborah geovanna e lidiane kecia estamos dando nossa opiniam.

Danyella disse...

Ok, bem amarrada a sua critica. Porém, acredito que Deus dá sim habilidade para poucos de conhecer dos seu prodígios. Que os escolhe para pregar a palavra e os usa para que pessoas acreditem que o inferno É REAL. No livro satanás é o rei do inferno. Nesse mesmo livro Ele explica, através dela, sobre o juízo final. Sobre os sete anos de tribulação, sobre a marca da besta, sobre o milénio e como ele irá reestalbelecer seu reino de glória. Todas essas coisas estão na bíblia. Não acredito que ela esteja mentindo pq em muitas partes ela não é autorizada a contar ou até mesmo NÃO VIU. Pq só Deus conhece essas coisas. Se fosse intuito dela q pessoas se convertessem a uma doutrina falsa como vcê diz q ela prega no livro. Com certeza ela teria uma imaginação bem mais fértil que esta. OUtra coisa, muitas das coisas que ela cita no livro, são pregadas em outros livros. Até mesmo na bíblia. Livros como A Cabana, falam sobre o Pai, o Filho e o Espiríto Santo. Que eles são parte de um mesmo corpo. Que são três e ao mesmo tempo um. Como você pode argumentar de tal forma sobre o que está na bíblia em claríssimo entendimento? A bíblia diz para fugirmos de falsos profetas sim. Fugir de você seria uma boa. Como ousa argumentar sobre revelações dadas por Deus a uma pessoa que foi usada por Ele todo o tempo em que viveu e vive? Como tem coragem de entregar tempo e pensamentos na mão do diabo para que ele te use para confundir as pessoas que estão nos caminhos de Deus? Em todo momento a autora cita trechos da bíblia e mesmo no final dele pede para o ler com a bíblia ao lado para que não tenhamos dúvidas. As almas no inferno tiveram muitas chances, e mesmo que tivessem mais mil chances ainda blasfemariam contra o nome de Deus em troca de riquezas e poder. Deus conhece o coração de todos. Ele dá várias oportunidades, mas as pessoas que morrem sem conhecer o seu nome e vão contra sua palavra tem julgamento imediato após a morte. Deus ama todas aquelas almas mas elas fizeram suas escolhas. Por isso ele dá o livre arbítrio. Um falso profeta faz com que muitos se desviem da palavra de Deus. Não acho que quem acredite nesse relato irá se desviar de Deus, muito pelo contrário. Se existem pessoas orando para Jesus levá-las ao inferno, paciência. São almas sem sabedoria que deveria buscar a palavra acima de qualquer pedido. Pq Deus provem todas as coisas. Deus sabe do que precisamos. Deus deu entendimento a essa mulher e a curou. Ela foi uma escolhida. Pessoa "comuns" não podem ser escolhidas assim. Deus escolhe a dedo. Pq sabe o trauma que uma revelação assim pode causar e sabe que só quem acredita nele piamente pode se curar de tal coisa. Vigie as suas palavras e saiba que em nada a sua analize ajudou. Pelo contrário. Uma pessoa q lê o livro e vem aqui e não tem certeza sobre aceitar Jesus ou não, volta pro mundo e nunca mais o procura. Vigie as suas palavras pois esse seu relato pode afastar as pessoas dos caminhos do Senhor.

Elizandra disse...

eu li o livro e acredito totalmente
nela por que q ninguem acredita
existi sim o inferno i isso.e verdade por que eu acredito..
deus sabe q é verdade..

Elizandra disse...

eu li o livro e é verdadeiro..eu acredito nela tem gente q nao acredita desculpe pesso q deus ilumine seu caminho..quanto isso eu acredito por q o inferno é reao depois q li esse livro minha vida mudou..passei a ser uma pessoa boa..imagine tem gente agora sofrendo la neste exato momento..

Anônimo disse...

Doutrinariamente, Baxter se revela herege ao ensinar um conceito errôneo sobre a Trindade. Ela afirma ouvir de Deus, o Pai, o seguinte: "O Pai, o Filho e o Espírito Santo são uma única pessoa" (p. 158) - grifo acrescentado.

Olá,tenho esse Lixo de Livro IMUNDO da pertubada da Baxter(Pobre Alma),gostaria muito de achar a parte acima que citei ..."O Pai, o Filho e o Espírito Santo são uma única pessoa" (p. 158) não achei isso no Livro se tivesse achado isso no Livro no tempo que era um Cristão teria jogado esse Livro numa Privada.
Gostaria que comentasse esse trecho se é um trecho real do Livro mesmo.
Muito Boa Materia,Obrigado e abraços.

Pb wellington disse...

Miriã Soares. bom dia, sou um Presbítero da Assembléia de Deus, li sua crítica sobre esse livro, e concordo, pois comecei a ler e tive que parar pois a Dr. Baxter, não tem base nenhuma na Bíblia daquilo que ela supostamente falou a respeito das revelações. porém não à julgo pois segundo a palavra de Deus, eu me proíbo a ter que ler essas coisas, pois como vc mesma falou, deixa os novos convertidos com medo do diabo e respeitando mais a ele do que a Deus. A verdade é que somos selados para salvação EF 1:13-14, somos propriedades de Deus, fica aqui minha opinião sobre seu relato muito bem colocado, e digo que os comentarios acima são pessoas que verdadeiramente não conhecem a Deus, e sua palavra.


que Deus te abençoe, e a cada dia mais te dÊ coragem.

Anônimo disse...

BRICADEIRA VCS ESTAR DANDO OUVIDO A ESPIRITOS ENGANADORES,DEPOIS DE TUDO QUE JESUS FALOU E NEM FALO DA SENHORA BAXTER, QUE TAMBEM ACHO UMA GRANDE VITIMA DE SATANAS. EIS AI ENTÃO AGORA UM NOVO APOCALIPSE O DE jOÃO TA ULTRAPASSADO MESMO NÃO?? QUEM SABE A SRA BAXTER NÃO RESOLVA FAZER AI UM NOVO EVANGELHO,DONA BAXTER,ESCUTA ESSA OS FILHOS DO REINO LANÇADOS NAS TREVAS EXTERIORES NÃO SÃO DESVIADOS DA IGREJA NÃO , MAIS JESUS FALA DOS DOS JUDEUS,QUE ERAM DETENTORES DA VERDADE O JUDAISMO, ATÉ ENTÃO,RELIGIÃO ORIGINAL DE DEUS PORTANTO FILHOS DO REINO, E COM A CHEGADA DO EVANGELHO NÃO ENTENDERAM O NOVO PACTO, O EVANGELHO ENTÃO FOI TRANSFERIDO AOS GENTIOS QUE SAÕ OS QUE VINHERAM DO ORIENTE E DO OCIDENTE E TREVAS EXTERIORES TRATA SE APENAS DAS CONDIÇOES QUE VIVEM HOJE NA ESPERA DO MESSIAS SEM DESFRUTAREM DAS BENECES DO EVANGELHO

Anônimo disse...

eu queria dizer que não li o livro inteiro só apenas o primeiro capitulo mas com coisas serias não se brinca na minha escola a professora estava lendo esse livro para quem os estão lendo a divina revelação do inferno depois de ler leiuam a divina revelacão do céu eu pretendo ler os dois livros eu sou anonima e não quero me indentificar leiam esse livro para saber mais da divina revelação do inferno e do céu para todos o que tem pecados se confecem pedem perdão a DEUS por que DEUS é o nosso maior protetor de todo o MUNDO