Páginas

sábado, 26 de junho de 2010

Teologia da Prosperidade

heresia... ...e capitalismo selvagem na igreja! Desvia o foco maior do Cristianismo, pois as pessoas deixam Cristo de lado e vão em busca de dinheiro, riquezas e prosperidade financeira... as pessoas são iludidas a se tornarem ricas mas perdem o essencial, que é a salvação da alma.
Verbete: prosperar
[Do lat. prosperare.]
V. int.
1. Tornar-se próspero ou afortunado; ter fortuna favorável; enriquecer:
2. Ir em aumento; aumentar pouco a pouco; progredir:
3. Desenvolver-se, adiantar-se, medrar:
4. Dar bom resultado; melhorar, desenvolver-se:
V. t. i.
5. Correr bem; ser favorável:
6. Favorecer o progresso, o desenvolvimento:
V. t. d.
7. Tornar próspero; melhorar:
8. Fazer ir em aumento; fazer progredir:
V. p.
9. Tornar-se próspero; progredir, desenvolver-se:

[Pres. ind.: prospero, etc. Cf. próspero, adj. e s. m., e o antr. Próspero.]
A prosperidade financeira, as riquezas levaram o jovem rico a negar o Senhor pois colocou na riqueza o seu coração.
Quantas bençãos materiais Jesus prometeu para os que o seguissem? Acima de qualquer bem material, Jesus estava interessado era nas pessoas, na alma e na salvação do homem, no resgate do pecado.
Deus dá bençãos financeiras? Sim, Ele dá, para quem e quando ele quiser, não adianta usar dízimos e ofertas como suborno ou maneira de "tentar" a Deus. Dízimos e ofertas você oferece por sua fidelidade pessoal e generosidade.Algumas pessoas se baseiam na oração de Jacó, para exigirem bênçãos materiais a Deus:
Gênesis 20 "E Jacó fez um voto, dizendo: Se Deus for comigo, e me guardar nesta viagem que faço, e me der pão para comer, e vestes para vestir;
21 E eu em paz tornar à casa de meu pai, o Senhor me será por Deus;
22 E esta pedra que tenho posto por coluna será casa de Deus; e de tudo quanto me deres, certamente te darei o dízimo."

Ou seja, com o se, Jacó condicionou a sua condição de servir a Deus ! A oração de Jacó foi uma uma atitude que não deve servir de exemplo aos cristãos de hoje pois não tinha nenhuma perspectiva de vida no além, afinal Juízo final, recompensa no além e ressurreição só são mencionados no século II a.C. no livro de Daniel.
Os cristãos cometem dois grandes erros quando o assunto é riqueza, dinheiro: na" teologia da prosperidade", onde Deus vira investimento e na "teologia da pobreza", onde as pessoas acham que dinheiro é sujo e que sucesso no mundo é feio. O cristão deve ser equilibrado nessa situação.
"Não ajunteis tesouros na terra, onde a traça e a ferrugem tudo consomem, e onde os ladrões minam e roubam; Mas ajuntai tesouros no céu, onde nem a traça nem a ferrugem consomem, e onde os ladrões não minam nem roubam. Porque, onde estiver o vosso tesouro, aí estará também o vosso coração". Mateus 6:19-21
Como é possível crer que o significado da vida é feito de bens e posses; de poderes e cargos importantes; de superioridade sobre os demais por se ser “filho do Rei” em ser colocado por cabeça e não cauda; pessoas agindo como se Deus fosse um gênio da lâmpada, para satisfazer todos os seus desejos. O homem como senhor e Deus como seu servo... crer que Deus responde ao dinheiro muito mais do que a uma oração quebrantada; e entender prosperidade como algo a ser medido por conquistas materiais.Toda conquista para eles diz respeito a este mundo. Eles querem conquistar tudo é aqui, e agora.
Usar o dinheiro para fim pessoal, adquirirmos bens para o nosso próprio benefício , se aprofundando numa visão totalmente "Capitalista", de que se trabalhamos, temos o direito de comprar, seja um ou cinco do mesmo produto, não nos importando com a desigualdade social que impede de outros possuírem um dos bens por haver uma concentração de bens estarem na mão de alguns.
Se Deus te abençoou com uma casa, que ela seja usada para reunir os irmãos e compartilhar a Palavra... se possuo um carro, que eu possa dar carona para aqueles irmãos que moram longe.... Tudo o que temos pertence a Ele, e deve ser usado para a Sua glória, ajudando a levar o Evangelho a toda a criatura.
Um dos erros da teologia da prosperidade não é motivar as pessoas a terem bens materiais, mas sim trocar os verdadeiros valores do cristão como em "ter", em vez de"ser"!
Para alguns, a prosperidade é sinal de espiritualidade e sucesso, significando que
quem não tem riqueza e sucesso não é espiritual, ou pelo menos não é abençoado por DEUS.
A teologia da prosperidade ensina que sofrimento significa falta de fé... grande equívoco, pois quanto mais santos e cheios de fé, mais sofrem os ministros de DEUS, como se pode ver a vida de José, Jeremias e Paulo, que sofreram inúmeras perseguições. Dizem também que devemos orar apenas uma vez por alguma coisa; que a oração repetida significa falta de fé... errado, pois o SENHOR JESUS orou três vezes pelo mesmo assunto no Getsêmani: (Mt 26.44 ) e Paulo fez o mesmo acerca do espinho na carne "três vezes orei ao Senhor, para que desviasse de mim (2Co 12.8. )"
No Novo Testamento o termo prosperidade só aparece por três vezes (Atos 19:25; I Cor. 16:2 e 3o. Jo.1:2)
Por outro lado, O Novo Testamento fala muito e com carinho dos pobres, dos submissos, dos humildes, dos sofredores, dos perseguidos, "dos que nada tinham, mas que tinham muito". O Novo Testamento ensina que a busca da prosperidade é efêmera e vã e que a grande busca do servo de Cristo é pelos "tesouros no céu" (Mat. 6:19-20) e pelos valores de Cristo em detrimento dos tesouros e valores humanos. Em momento algum, no Evangelho genuíno de Jesus Cristo, se prometeu riquezas terrenas pra alguém.
A Palavra de Deus assevera sobre o suprimento de nossas necessidades, que Ele cuidaria de nós, pois cuida de pássaros e flores e porque razão não cuidaria de seus filhos? Isso não impede que com trabalho honesto alguém venha a prosperar, mas também não impediu que a igreja primitiva tivesse seus bens confiscados (Hebreus 10:34) e não impediu que os Apóstolos passassem fome e nudez (I Cor 4:11-13 II Cor 11:23-33).
O Evangelho genuíno de Cristo aponta para o eterno, para as riquezas celestiais, pois "onde está o teu tesouro, aí estará também o teu coração". O que essa teologia faz é transformar o ato de pedir e receber em um fim. Deus precisa ser o fim! Ele é o alvo, Ele é o centro e fim, a finalidade de nossa existência! No mais, o Senhor dá, o Senhor tira, bendito seja o Seu nome.
Também não há paralelo bíblico para o processo de "escambo", ou de troca, tão visceralmente ligado à teologia da prosperidade ou pelo menos, ao discurso dos grupos e pessoas ligados ou difusores dessa teologia. "Quanto maior a oferta, maior a benção!"
O que ocorre,muitas vezes com os convertidos, é a perda de bens, de amigos, de posição social, de recursos, de liberdade e tantas outras perdas comuns aos fiéis discípulos do Mestre.
Por isso, a Palavra de Deus é contundente em esclarecer que essas perdas, sofrimentos ou padecimentos são dons maiores que a riqueza material.
Paulo fala na graça de sofrer por Cristo (Fil. 1:29), os Atos (5:41) da alegria de ser "considerado digno de sofrer afrontas por esse Nome" e Pedro, que o sofrer por Cristo é grato a Deus (I Pedro 2:19-20).
A Bíblia adverte quanto ao amor ao dinheiro" (I Tim.6:10).
Sei viver na penúria, e sei também viver na abundância. Estou acostumado a todas as vicissitudes: a ter fartura e a passar fome, a ter abundância e a padecer necessidade". (Fl 4,12)
(2ª carta de São Pedro 2:1) "Assim como houve entre o povo falsos profetas, assim também haverá entre vós falsos doutores que introduzirão disfarçadamente seitas perniciosas. Eles, renegando assim o Senhor que os resgatou, atrairão sobre si uma ruína repentina.
Muitos os seguirão nas suas desordens e serão deste modo a causa de o caminho da verdade ser caluniado.
Movidos pelo amor ao dinheiro, procurarão com palavras enganosas, fazer de vocês objetos de negócios. Mas o julgamento contra eles há muito já começou, e a sua destruição não vai tardar."

Até o Nosso Senhor nasceu em um lar pobre. Será que ele não era abençoado?
O Evangelho que eu conheço, o qual me alcançou é o da Cruz, símbolo de morte e humilhação, o de negar-me a mim mesmo, de morrer a cada dia, de tomar a minha cruz e seguir o Senhor, o Evangelho em que o bem do outro vem primeiro, o Evangelho em que minha oferta é para sustento da obra, para atender a viúva e o órfão, não para que Deus venha me dar carro ou casa ou fortuna, mas essas coisas são consequencias da graça do Senhor conforme a sua vontade para a sua glória, e se não vir a acontecer louvado seja Seu Nome!
Portanto meus irmãos, não achemos que o irmãozinho que pega ônibus cheio de manhã e ganha um salário mínimo está fora da Graça do Senhor. Ou que quem está doente está com um "encosto" e debaixo da maldição.
"Porque essa teologia não funciona para os crentes pobres dos países africanos, do Brasil, da China, Índia e porque quando esses pastores constroem belíssimos templos não se lembram que existem cristão perseguidos no mundo, que não possuem roupas, alimentos, medicamentos e não possuem liberdade de religião? São pobres e perseguidos por que não tomaram posse da promessa?"
NOTICÍAS CRISTÃS: ' A teologia da prosperidade é DEMONÍACA'
http://noticiascristas.blogspot.com/2009/01/teologia- da- prosperidade- demonaca.html Ronaldo Didini publicada pela Revista Cristianismo Hoje (Marcos Couto, dezembro 2008/janeiro 2009, edição 8, ano 2, páginas 56-58).Quando aProsperidade Gospel Falha (Cristianismo Hoje)
http://www.cristianismohoje.com.br/retrancas/Quando%20a%20prosperidade%20gospel%20falha/37695Vídeos relacionados:
http://www.youtube.com/watch?v=zdvXqO7aBBo
http://www.youtube.com/watch?v=H678ZHTaLuE&feature=related
http://www.youtube.com/watch?v=J34BKJet43Q
Frases relacionadas:
“Se você quer que Deus te de Deus te dê a unção financeira, a unção financeira dos últimos dias eu quero que você pegue esse telefone e eu quero que você faça um compromisso para você semear 900 reais, e você diz irmão Cerullo eu nunca fiz isso na minha vida, especialmente para um programa de televisão mais eu te digo, quando você semear o que Deus esta pedindo para fazer hoje você vai receber da parte de Deus, algo que você nunca recebeu antes!”
“Porque nove, porque você esta pedindo por nove, porque esse é o ano de 2009 os números são importantes para Deus”
(Morris Cerullo)
Há tempos ouvi isso:
"Irmãos, Deus está perdoando todos os dízimos que você deixou de dar até agora, Ele está apagando isto agora em sua vida, mas a partir de agora Ele cobrará centavo por centavo de sua vida!".
"diga pro irmão ao seu lado: " um dia você vai ser meu empregado!"
"Se Jesus voltar e você estiver em falta com o dízimo, você não subirá, pois você é ladrão e os ladrões não tem parte no Reino de Deus!".
Nas palavras de Hank Hanegraaf, "A teologia da Prosperidade é um câncer na igreja de Cristo. Ele tem de ser extirpado!"
8 Tendo, porém, sustento, e com que nos cobrirmos, estejamos com isso CONTENTES.
9 Mas os que querem ser ricos caem em TENTAÇÃO, e em LAÇO, e em muitas CONCUPISCÊNCIAS LOUCAS e NOCIVAS, que submergem os homens na PERDIÇÃO e RUÍNA.
10 Porque o amor ao dinheiro é a RAIZ de toda a espécie de males; e nessa COBIÇA alguns se DESVIARAM DA FÉ, e se traspassaram a si mesmos com muitas DORES.
11 Mas tu, ó homem de Deus, FOGE destas coisas, e segue a JUSTIÇA, a PIEDADE, a FÉ, o AMOR, a PACIÊNCIA, a MANSIDÃO. ( 1 Timóteo 6:8-11 )

Atenção, leia direito, não faço apologia à pobreza, hem...

5 comentários:

Anônimo disse...

PARABENS!!QUE DEUS TI ABENÇOE MUITO TI DANDO INTELIGENCIA E SABEDORIA PARA ESTA BLOGANDO MENSAGENS INTERESSANTES E MAIS UMA VEZ PARABENS BEM ESCRITA MUITA SABEDORIA E ESTUDO GRANDE MATERIA CONTINUE ASSIM E COM CERTEZA DEUS ESTÁ MAS ALEGRE COM VC BJOS A REINO DE DEUS ESTÁ QUERENDO NOSSOS CORAÇÕES E NÃO AJUNTE TESOIUROS NA TERRA O SENHOR COM CERTEZA PROMENTEI A SALVAÇÃO E MAIS NADA ALIAS MELHOR IMPOSSIVEL

Marco Alcantara disse...

Esta são situações tristes e mais comuns do que a gente imagina.

Povo pobre, faminto e miserável sempre procura quem lhes dê uma luz no fim do túnel e sempre existem aqueles que se paroveitam disso.

Olá ótimo blog. Deus abençoe seu trabalho para o Reino.

Sou Marco do Lion of Zion e gostaria de te convidar a nos seguir e nos tornamos irmãos de blog.

http://cartesianofinito.blogspot.com/

Abraço!

claudio disse...

Dei o maior valor estou indicando seu blog para milhares

claudio disse...

da uma olhadinha no meu orkut tem umas fotinhas la interessantes

Carlos A. B. disse...

Olá... eu estava procurando algumas fotos para evidenciar um texto contra a religião e este movimento pobre, miserável e diabólico, que apelidaram de teologia da prosperidade. É bom saber que ainda existem pessoas serenas e sóbrias, que conseguem discernir a palavra de Deus através de Deus. Glória a Deus. Que Deus levante homens e mulheres dispostos a servirem ao Senhor em espírito e em verdade.